12 de abr de 2011

Senado Francês proibi uso de burca

terça-feira, 12 de abril de 2011



Senado Francês proibi uso de burca.
No ano passado houve manifestação contra esta lei, porém não adiantou ontem o senado aprovou.

O Senado francês aprovou hoje, por ampla maioria, a proibição do uso da burca, a vestimenta islâmica que cobre totalmente o corpo e o rosto da mulher, e também do véu integral, chamado niqab. Com isso, as muçulmanas do país não poderão utilizar a roupa nas ruas e em locais públicos. O Senado sancionou por 246 a 1 o projeto já aprovado na Câmara dos Deputados. Agora, foi aberto um prazo de dez dias para se impugnar a medida no Conselho Constitucional, mas se considera improvável que isso aconteça.

O islamismo é a segunda maior religião na França, porém a nova medida afeta poucas mulheres no país. Apesar disso, a lei causou polêmica e temores de que aumentem os casos de ódio contra os muçulmanos, em um país em que mesquitas e sinagogas são às vezes atacadas. Algumas mulheres muçulmanas afirmaram que pretendem seguir usando a vestimenta conservadora, apesar da lei, que deve ser firmada pelo presidente Nicolas Sarkozy. Para os partidários da norma, ela garante os valores seculares da França.

Há 5 milhões de muçulmanos na França, um país de 64 milhões de habitantes. O Ministério do Interior estima que apenas 1.900 mulheres no país se cobrem totalmente. Em junho de 2009, Sarkozy disse que as mulheres que se cobrem totalmente com o véu muçulmano "não são bem-vindas" na França. A lei prevê uma multa de US$ 185 ou aulas de civilização para qualquer mulher flagrada cobrindo totalmente a cabeça com o véu integral ou usando burca.

Pois bem, indo para o Egito, que é um país muçulmano, você vai ver diversos tipos de vestimentas, algumas até inspiradas em modelos ocidentais, já que o país é bem cosmopolita e tem muito contato com o exterior. Dentre as mulheres que se cobrem, a peça mais usada é o hijab:


Crédito BBC

Egípcias de hijab
Mas por lá, também existem mulheres que seguem mais a risca a vestimenta correta, usando vestidos largos e um hijab maior e mais largo, que chama khimar. É um véu bem longo e que às vezes chega quase até a cintura. Tem outros tipos também, como o chador.



Crédito BBC
Agora o que sempre atrai mais olhares para quem vem de fora é o niqab, que cobre todo o corpo e só deixa os olhos da mulher de fora. Geralmente a roupa é toda preta e muitas ainda usam luvas, para nem as mãos mostrarem, mas é diferente da burca, como vocês podem ver nas fotos.




Duas mulheres de khimar, uma de niqab e a última de hijab

Pr. Elcio Brandão Comenta :

Queridos (as) alguns podem estar pensando, não tem nada a ver um blog cristão, mostrar e dar referência a tal acontecimento ligado ao Islamismo. Porém podemos extrair algumas lições disto.
Com a liberdade que as mulheres cristãs tem no Brasil, como tem usado esta liberdade?
De forma decente? ou indecente? como a bíblia nosso manual de fé, Sigamos o conselho do Apóstolo Pedro IPe 3.2O enfeite delas não seja o exterior, no frisado dos cabelos, no uso de jóias de ouro, na compostura dos vestidos; Pense nisso...

Oremos pelos mulçulmanos, para que conheçam a verdade que é jesus Cristo e ele os libertará, Ele mesmo disse eu sou o caminho a verdade e a vida ninguém vai ao pai a não ser por mim.
Tópicos: França, Senado, Proibição, Burca, Véu integral, Internacional, Geral

Nenhum comentário:

Postar um comentário